Salamanca. Uma viagem. Um guia.


Prometemos a nós mesmos que este ano ia ser diferente. Que íamos aproveitar o nosso tempo, os nossos momentos, os nossos sorrisos. O aniversário dele foi o mote perfeito para colocar em prática esta ideia.
A viagem foi programada numa noite. O local, Salamanca.

COMO IR | À semelhança da nossa lua-de mel, alugámos um carro para 3 dias. Alugar carro tornou-se uma solução bastante económica e permite-nos ir parando pelo caminho para conhecermos outras coisas

ONDE FICAR | Optámos por um AIRBNB. Nunca o tínhamos experimentado antes. Fomos recebidos pelo Gustavo, com um grande sorriso! A recepção foi óptima e ainda obtivemos algumas dicas por parte do anfitrião. O apartamento situava-se a 5 minutos do centro. 

ONDE DEIXAR O CARRO | Somos adeptos de parques subterrâneos. Com vigilância 24h, estamos protegidos contra assaltos e de acidentes. Deixámos o carro no Parque da Avenida de Portugal que fica sensivelmente a 3 minutos do AIRBNB e do centro histórico.

COMO SE DESLOCAR NA CIDADE | A 5 minutos do centro, onde se encontram as principais atracções turísticas, andámos sempre a pé. Para os amantes da bicicleta, a cidade está bem abastecida de ciclovias. Para alimentar ainda mais a paixão, podem alugar uma bicicleta!

O QUE VISITAR |Plaza Mayor, Universidade Pontíficia, a Casa das Conchas, a Catedral Velha e Nova, a Ponte Romana, o Convento de San Esteban

ONDE COMER | Uns extraordinários gelados no Café Novelty em plena Plaza Mayor, umas pulguitas e uns bocadillos junto da Casa das Conchas, umas mini pizzas de outro mundo no Papizza mesmo à entrada da Plaza Mayor, um fantástico Pastel del Peregrino na Pastelaria La Madrileña na Calle Concejo.




Minimalismo a dois

Sem comentários:

Enviar um comentário